Home » 3ª Idade

3ª Idade

Terceira Idade

O Envelhecimento é um processo universal, inerente a todos os seres vivos (Aiken, 1995). Vários autores dividiram o processo de envelhecimento em três componentes, sendo o primeiro o processo de envelhecimento biológico, resultante da crescente vulnerabilidade e maior probabilidade de morrer, o segundo o envelhecimento social, em relação aos papéis sociais adaptados às expectativas da sociedade, e o terceiro o envelhecimento psicológico, definido pela auto-regulação do indivíduo a nível da tomada de decisões e opiniões. Estes três componentes do envelhecimento têm uma influência decisiva no comportamento dos/as idosos/as.

 

Ao longo do processo de envelhecimento, as capacidades de adaptação do ser humano vão diminuindo, tornando-o cada vez mais sensível ao meio ambiente que, consoante as restrições implícitas ao funcionamento dos/as idosos/as, pode ser um elemento facilitador ou um obstáculo para a sua vida. Com o declínio progressivo das suas capacidades físicas, e também devido ao impacto social do envelhecimento, o/a idoso/a vai alterando os seus hábitos e rotinas diárias, substituindo-os por ocupações e actividades que exijam um menor grau de actividade.

 

Esta diminuição da actividade, pode acarretar sérias consequências, tais como redução da capacidade de concentração, reacção e coordenação que, por sua vez, podem provocar processos de auto-desvalorização, diminuição da auto-estima, apatia, desmotivação, solidão e isolamento social.

 

É na lógica de impulsionar a continuidade da inserção social dos/as utentes que surge a importância das actividades e dos serviços prestados pelos Lares, afim de proporcionar a esses/as utentes o bem-estar de modo holístico, biopsicossocial, dos Lares e dos Serviços de Apoio Domiciliário da Santa Casa da Misericórdia da Sertã.

Dia Internacional do Idoso

Dia Internacional do Idoso - Misericórdia da Sertã

No dia 03 de outubro foi comemorado o Dia Internacional do Idoso, atividade organizada pela Camara Municipal da Sertã, no lugar da Carvalha.

Os/as utentes assistiram e participaram na Eucaristia e à Celebração de Bodas de Ouro de alguns casais ali presentes.

Como o tempo estava de agrado, no intervalo para o almoço, ainda puderam apreciar as paisagens magníficas que aquele local nos oferece.

O almoço foi do agrado de todos/as com a célebre Sopa de Peixe, Arroz de Pato e como sobremesa Tigelada. Claro, sempre acompanhado por sumos e um bom vinho.

                        Depois do almoço, após terem recebido um cachecol como presente da Camara Municipal da Sertã, para ajudar à digestão, puderam dar um passinho de dança ao som de acordeões.   

Utente da ERPI Nossa Senhora do Carmo faz 100 anos de aniversário.

Utente da ERPI Nossa Senhora do Carmo faz 100 anos de aniversário. - Misericórdia da Sertã

 

 

 

 

 

            O utente residente do ERPI Nossa Senhora do Carmo, José Lopes fez no passado dia 23 de setembro de 2015 cem anos de idade. Foi organizada nesta valência da Santa Casa da Misericórdia da Sertã uma festa de aniversário que contou com os familiares do utente, Mesa Administrativa e funcionários/as da Instituição.

            Na ocasião estiveram presentes nas festividades os dois filhos e duas filhas do centenário, com respetivos cônjuges, três netos e dois bisnetos. Todos os familiares almoçaram com o aniversariante e restantes convidados/as, tendo sido efetuada uma foto de toda a família que se transformou num postal distribuído no final da refeição a cada um deles. Foi igualmente oferecido a todos os presentes uma estrela com a foto do Sr. José Lopes recordando a data feliz.

            Finalizada a refeição todos utentes, funcionários/as, familiares e convidados/as se juntaram ao centenário para entoarem os tradicionais “Parabéns a Você” em frente a um cartaz alusivo à efeméride, onde também não faltou o bolo de aniversário personalizado com a foto do Sr. José Lopes e o Champagne. Foi entregue um ramo de flores ao homenageado e outras prendas sendo um momento emocionante e com muitas palmas.

            O utente demonstrou-se muito divertido e feliz, rodeado pela sua família com a presença de todos os convivas. Ainda evidenciando a sua boa lucidez agradeceu a todos pela festa. Um dia de sorrisos a recordar e na esperança de daqui a um ano se repetir a ocasião, mas já com os 101 anos de vida. Parabéns Sr. José Lopes e muitos anos de vida.